InícioCidadeSuperaRJ ultrapassa a marca de R$ 54 milhões em créditos destinados a...

SuperaRJ ultrapassa a marca de R$ 54 milhões em créditos destinados a micro e pequenos empresários

Mais de R$ 54 milhões em créditos foram concedidos pelo SuperaRJ a micro e pequenos empresários em todo o estado. A AgeRio (Agência Estadual de Fomento) liberou os empréstimos para mais de 4.700 microempreendedores individuais, autônomos e profissionais informais; e para micro e pequenas empresas.

“Os créditos do SuperaRJ estão ajudando a movimentar a economia de mais de 80 municípios fluminenses. É um passo importante para a retomada do desenvolvimento pós-pandemia. Chegar aos R$ 54 milhões em concessão de linhas de financiamento é um marco para o programa, que vai oferecer, até o fim do ano, R$ 300 milhões para manter pequenas empresas e fomentar novos negócios”, afirmou o governador Cláudio Castro.

Entre os principais segmentos já beneficiados pelas linhas de crédito estão: comércio varejista de artigos do vestuário, lanchonetes, restaurantes, manicure/pedicure, cabeleireiro(a), costureiro(a), serviços de organização de feiras e congressos.

O projeto chegou a todas as regiões do estado, atendendo 83 municípios. As cidades fluminenses que mais tiveram contratos aprovados foram Rio de Janeiro, Duque de Caxias, Nova Iguaçu, São Gonçalo, Belford Roxo, Nova Friburgo, Niterói, Magé, São João de Meriti e Petrópolis.

“Apoiar o pequeno empreendedor é importante para retomar o crescimento econômico e recuperar a capacidade de desenvolvimento do Rio de Janeiro. Mas, principalmente, é uma forma de resgatar, via empreendedorismo, a autoestima, o brilho e a dignidade de uma imensa parcela da população fluminense que foi fragilizada pela falta de emprego e renda causada pela pandemia”, afirmou o secretário de Desenvolvimento Econômico Vinicius Farah.

Até R$ 50 mil em financiamentos

Os financiamentos de até R$ 50 mil atendem a micro e pequenas empresas; cooperativas e associações de pequenos produtores; microempreendedor individual; agricultores familiares; profissionais autônomos, inclusive agentes e produtores culturais; empreendimentos da economia popular solidária; empreendedores sociais, empreendedores que atuam em comunidades e negócios de impacto social.

“Esse número de mais de R$ 50 milhões é muito significativo e importante para o Governo do Estado. A AgeRio está trabalhando incansavelmente no programa SuperaRJ para conseguir cada vez atender e entregar essa linha de crédito não só no município do Rio, mas em grande parte do interior”, disse o presidente da AgeRio, André Vila Verde.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MAIS POPULARES

COMENTÁRIOS RECENTES